Ir para o conteúdo

Blog da Cultura

Our Latest News

A tradição das Festas Juninas no Brasil e fora do país!

Gardenia
16 de junho de 2021

“Anarriê! Balancê! Caminho da roça! Olha a chuva, é mentira! Damas à direita, cavalheiros à esquerda!”

Certamente, você já deve ter ouvido e até mesmo falado essas palavras antes. Lembrou? Então, o que elas têm em comum? Quem respondeu Festa Junina, acertou! Estamos no mês de junho, época das tradicionais festas juninas. Com suas comidas, brincadeiras e músicas típicas, a festa faz sucesso Brasil afora, sendo a maioria de nós admiradores dessa comemoração. Mas, apesar de tudo, tem uma pergunta que não quer calar: qual a origem da festa junina? A Cultura conta isso e muito mais pra você! ?

 

Origem da Festa Junina

Por já estar incorporada à nossa cultura, realmente parece que a origem da Festa Junina é brasileira. No entanto, a origem da festividade é europeia. É isso mesmo!  Vamos conhecer mais detalhes dessa história? 

Com o intuito de comemorar o solstício do verão, que marca a passagem da primavera para o verão no hemisfério norte, criou-se a celebração, que acontecia justamente no mês de junho. Em muitas culturas, inclusive, o solstício tem uma representatividade mística, por se acreditar que a grande quantidade de luz dos dias de verão poderia causar uma mudança de energia nas pessoas. Já para os povos antigos, como os incas e maias, a data representava a conexão com algo maior, com o divino. Da mesma forma, com a natureza.

Apesar de ter sido, inicialmente, considerada pagã, quando o Cristianismo tomou conta do continente europeu a data passou a ser incorporada ao calendário católico, homenageando São João Batista, Santo Antônio e São Pedro.

Com a chegada dos padres jesuítas ao Brasil, a festividade passou a ser chamada de “festa joanina”, por acontecer em junho. Além disso, era uma forma de homenagear São João. Com o passar do tempo, passou a ser conhecida pela forma como a chamamos hoje, Festa Junina, ou Festa de São João.

O sucesso das comemorações deu-se, predominantemente, na Região Nordeste do Brasil, que contempla as maiores festas do período. 

As comidas e danças típicas, assim como as músicas, os trajes característicos e a famosa fogueira não podem faltar em uma Festa Junina “raiz”. Mas será que isso acontece apenas aqui no Brasil ou também em outros lugares do mundo? É o que vamos ver agora! ?  

 

Festa Junina no Brasil

No Brasil, como já dissemos, é na Região Nordeste que a festividade ganha mais força, principalmente em estados como Rio Grande do Norte, Paraíba, Sergipe, Bahia, Maranhão, Pernambuco e Piauí.

A tradicional Festa Junina é marcada por muita comida saborosa, sendo o protagonista das receitas, em sua maioria, o milho. Temos como exemplo o curau, a canjica, a pamonha, o milho verde, a pipoca, entre outras delícias. ?

Além desses quitutes de dar água na boca, temos os famosos pé de moleque, arroz doce, a paçoca e, claro, as bebidas, como o vinho quente e o quentão, tão tradicionais nas festas juninas. ?

Igualmente, como parte da tradição, o arrasta-pé faz parte da festa, e mesmo que você não tenha muita experiência nos passos, vale a pena se arriscar. As quadrilhas, com seus passos marcados, assim como os casamentos na roça, também são tradição. 

Da mesma forma, os trajes típicos não podem faltar. Aqui, as camisas xadrez, os chapéus de palha e os vestidos no estilo “caipira” tomam conta do look.

Do mesmo modo, a fogueira toma conta da festa, servindo tanto para esquentar quanto para reunir as pessoas para uma prosa ao redor dela.

Vale lembrar, também, do correio elegante, usado para mandar aquela mensagem especial para alguém, e das tradicionais barraquinhas, repletas, além de comida, de muita diversão, sendo a mais comum delas a pescaria. ?

 

Portugal e a Festa dos Santos Populares

A festa junina, em Portugal, é parte integrante das Festas dos Santos Populares em homenagem a Santo Antônio, São João e São Pedro

Consideradas uma tradição em Portugal, as festas acontecem em todo o país, sendo Lisboa e o Porto os locais onde tem mais força. 

Quanto às comemorações dos “arraiás”, acontecem normalmente durante todo o mês de junho, de sexta a domingo.

Agora, algo que vai deixar você boquiaberto: sabe qual é a comida tradicional da festa junina portuguesa? Sardinhas na brasa! O peixe simboliza as festas dos santos populares, e todos – famílias, bares e restaurantes – aproveitam a data para assar sardinhas. ?

A Polônia e a Noc Świętojańska

Na Polônia, a noite de São João é conhecida como Noc Świętojańska, marcando a chegada do verão.

De forma semelhante às comemorações brasileiras, na Polônia também se fazem presentes as tradicionais fogueiras, além das músicas e danças típicas. 

No entanto, quanto às vestimentas, diferente do que acontece no Brasil, em que a inspiração vem dos trajes camponeses, na Polônia a população se caracteriza como piratas.

Como forma de comemorar a chegada do verão, soltam-se balões ao céu. É o momento de comemorar, também, a vitalidade da natureza e a fertilidade. 

E para quem gosta de uma boa festa, por lá, as comemorações têm início às 8h da manhã e não tem hora para acabar. 

França e a fête de la Saint-Jean

Para quem imagina que as tão conhecidas quadrilhas tiveram origem no Brasil, temos algo a dizer! Na verdade, elas se originaram na França, quando aconteciam os bailes franceses. No país, a festa tem o nome de Fête de la Saint-Jean, que, literalmente, significa Festa de São João.

Por lá, são tradicionais as fogueiras e, quanto aos quitutes, ficam por conta dos famosos queijos franceses – só pra deixar a gente com um pouco mais de água na boca… rs! ?

Suécia e a tradicional Midsommar

A chegada do verão, na Suécia, é marcada por uma celebração milenar, conhecida como Midsommar. Para se ter uma ideia, a Festa Junina, no país, chega a ter a mesma – ou mais, até – representatividade que o Natal.

As comemorações são iniciadas dia 20 de junho, indo até o dia 26 do mesmo mês. Você não leu errado: são 6 dias de festa! 

Por lá, nessa época entra em vigor, na culinária, o sill – um peixe em conserva fermentado. É mais conhecido como arranque, para nós. Além disso, como não poderia faltar, as guloseimas são bem-vindas, e todos se deliciam com pães com creme e morangos. E, claro, álcool. Durante o Midsommar, os suecos costumam beber mais do que em qualquer época do ano.

Da mesma forma como acontece no Brasil, os trajes típicos são os rurais. 

Agora, uma curiosidade: nesta época do ano entram em vigor as tradicionais simpatias, e as moças aproveitam para fazer buquês de 7 ou 9 flores, de diferentes espécies, e os colocam sob o travesseiro com a esperança de sonhar com o seu pretendente. ❤️

Festa Junina em Inglês

Fizemos um tour por vários países e conhecemos um pouco mais sobre como é comemorada a Festa Junina em cada um deles. 

Mas ficou faltando algo para incrementar ainda mais essa viagem. Como explicar para um americano, por exemplo, a origem da Festa Junina e tudo o que faz parte desse universo?

Nesse caso, o melhor a se fazer é comparar os nossos eventos com o dele. Os carnivals, ou county fairs, para os americanos, quando se trata das famosas barraquinhas de São João, são as comemorações que mais se aproximam das nossas festas juninas.

Outra dica é explicar o que temos de tradicional nessas festas, adaptando para o inglês. Separamos, portanto, um vocabulário junino especial para você. Dá só uma olhada!

tents = barracas

fishing game = pescaria

big mouth toss = jogo de acertar a bola na boca do palhaço

ring toss = jogo da argola 

greasy pole = pau de sebo

square dance = quadrilha

popcorn = pipoca

fried turnover = pastel

rice pudding = arroz doce

corn on the cob = espiga de milho – usado quando nos referimos ao milho cozido.

barbecue = churrasco

candy apple/a toffee apple = maçã do amor

sweet corn cake = bolo de milho

hominy pudding = canjica

Brazilian coconut candy = cocada

a sky lantern = balão junino

flags/buntings = bandeiras juninas

fireworks = fogos de artifício

bonfire = fogueira 

checkered shirt = camisa xadrez.

checkered dress = vestido xadrez

straw hat = chapéu de palha

 

Conclusão

Conhecer a origem da Festa Junina e, com isso, adquirir ainda mais cultura, é incrível, né? 

Para quem pretende aprender um novo idioma, então, é muito importante conhecer os costumes e tradições dos países em que a língua é falada.

Dessa forma, saia na frente e esteja sempre preparado, pois as melhores oportunidades acontecem quando menos esperamos. Para já dar um start no processo, faça o nosso teste de nível e saiba como está o seu inglês.

Aproveite e compartilhe com a gente o que você mais curte nas festas juninas! 

Até a próxima!

Comentários (0):

Your Email address will not be published.

Artigos Relacionados